Clique aqui e conheça as iniciativas Neoway para a Covid-19

Solicitar demo

Blog

Voltar

Análise de risco com Big Data

Análise de risco com Big Data: grandes organizações já estão usando

Grandes empresas dos setores financeiro, seguros, agronegócio, construção civil, telecomunicações e de bens de consumo já despertaram para o uso do Big Data Analytics para análise de risco de suas operações. A tecnologia é aplicada para otimizar o setor de prevenção de fraudes e compliance, pois diminui o tempo de busca e de interpretação das informações, além de reduzir as chances de uma análise equivocada.

Com o Big Data Analytics, as organizações conseguem rapidamente detectar e corrigir possíveis ameaças à integridade da empresa, dando eficiência e agilidade ao trabalho do time de analistas. Isso porque, permite que uma enorme quantidade de dados possa ser coletada e analisada de acordo com os interesses e setor de atuação da empresa. A automatização e a inteligência artificial aplicada aos negócios torna os controles internos e o compliance mais ágeis, precisos e metrificados.

Com a velocidade exigida na análise de risco, não é mais viável que se faça toda esta busca, cruzamento e consolidação das informações de forma manual, com pesquisas em diversos sites para verificação individual de cada ponto a ser investigado. Quanto mais rápida e atualizada for a diligência, maiores são as chances de identificar e prevenir das irregularidades e evitar prejuízos legais, financeiros e de imagem.

Como a tecnologia otimiza a análise de risco das operações

Com as ferramentas de Big Data Analytics, como a Plataforma Neoway, em poucos minutos, os profissionais que atuam com análise de risco podem rastrear uma empresa e/ou uma pessoa física e entender como estão posicionadas no mercado em diferentes perspectivas - cadastral, societária, fiscal e tributária, judicial e extrajudicial, trabalhista, política (PEP), socioambiental, entre outras - além de seus possíveis relacionamentos empregatícios, societários e familiares.

De forma geral, este tipo de sistema unifica as fontes de pesquisa e traz dados sempre atualizados dos órgãos reguladores de cada setor (e as suas normas, circulares e portarias) e de outras entidades como Receita Federal, Juntas Comerciais, Tribunais e Fóruns, Banco Central, IBAMA, CNEP, Portais de Transparência dos Governos, listas de restrições nacionais e internacionais e até de registros de publicações negativas em mídias sociais ou jornalísticas.

Quer saber como fazemos na prática?

Solicitar demo