Clique aqui e conheça as iniciativas Neoway para a Covid-19

Solicitar demo

Blog

Voltar

Plataforma Neoway e o social compliance na cadeia da moda

Plataforma Neoway e o social compliance na cadeia da moda

O setor de vestuário e têxtil como um todo - das grandes magazines de moda aos demais varejistas -, têm enfrentado desafios para promover maior sustentabilidade em toda a sua cadeia produtiva. Isso inclui garantia aos direitos humanos, boas condições de trabalho, redução de produtos químicos nocivos, reciclagem de materiais, cuidados com fornecedores etc. Diante disso, ganha cada vez mais força neste mercado, o chamado “social compliance”, que trata, justamente, sobre como uma empresa deve se portar em relação a funcionários, parceiros, meio ambiente e suas perspectivas sobre responsabilidade social.

Atualmente existem no Brasil, mais de um milhão de empresas ativas no segmento varejista de artigos do vestuário e acessórios, que correspondem a cerca de 80% do total de negócios do setor, segundo o estudo “O Brasil Visto pela Neoway”.

Os aspectos de social compliance podem ser balizados no país por normas e metodologias, como a Certificação ABVTEX, SMETA, ISO 45001, ISO 26000, SA8000. Além disso, a legislação brasileira para a cadeia de fornecimento também fala da responsabilidade solidária, que engloba, por exemplo, pagamento de tributos em casos de flagrantes de trabalho análogo ao escravo, danos ambientais e dumping social.

De forma geral, muitas empresas do setor já contam com programas para promover a sustentabilidade em grande parte de seus processos. Porém, é inegável que monitorar a rede de suprimentos para mitigar riscos tributários, trabalhistas e ambientais é uma missão complexa. O controle deve ser feito por meio de avaliações documentais, exigência de certificações, auditorias e visitas periódicas aos fornecedores.

A boa notícia é que a tecnologia do Big Data Analytics e do machine learning já se tornaram grandes aliadas para aprimorar esse importante aspecto do social compliance. Saiba como a Plataforma Neoway ajuda a dar agilidade e precisão na due diligence (diligência prévia) e avaliação de fornecedores.

Plataforma Neoway agrega eficiência ao processo de due diligence de fornecedores em prol do social compliance

O principal ponto do social compliance voltado à rede de suprimentos é o cuidado em se relacionar com outras empresas que sigam os mesmos princípios, ou seja, que cumpram parâmetros de proteção aos direitos humanos e ofereçam condições trabalhistas seguras e justas. Essa prática precisa ser seguida em relação aos fornecedores diretos e também aos outros prestadores de serviço contratados por eles para evitar situações de risco, - como a conivência com trabalho infantil ou escravo (segundo as leis do Brasil) e/ou a contratação de trabalhadores estrangeiros que estejam em situação irregular no país.

A preocupação com o acompanhamento e com o aprimoramento da rede de fornecimento deve ser constante. Por isso, é preciso contar com dados atualizados e ser eficiente na due diligence. E isso é possível com a Plataforma Neoway. Pela ferramenta, a empresa ganha tempo na análise documental e de outras informações importantes para o social compliance. Além disso, pode priorizar as auditorias presenciais no caso de empresas com alguma suspeita de irregularidade. Isso também ajuda na redução de custos da diligência, e essa verba pode ser investida em programas educativos e de prevenção, por exemplo.

Com a solução, pode-se rapidamente (em segundos) detectar possíveis irregularidades, já que a plataforma analisa uma enorme quantidade de dados de fontes externas como de órgãos reguladores (e todas as suas normas, circulares e portarias), Receita Federal, Juntas Comerciais, Tribunais e Fóruns, Banco Central, IBAMA, CNEP, Portais de Transparência dos Governos, listas de restrições nacionais e internacionais (Lista Francesa, Offshore Leaks, OFAC entre outras) e até de registros de mídia negativa.

Para a due diligence de fornecedores, por exemplo, é possível verificar:

  • Situação cadastral;
  • Nível de atividade;
  • Listas negativas como a do IBAMA e a de Tribunais do Trabalho;
  • CNPJs que mudou de CNAE ou de endereço;
  • Veracidade do endereço por meio de API com o Google.

Tudo pode ser visualizado em workflows intuitivos para identificação rápida de padrões, e os resultados podem ser consolidados em um relatório único. Outro diferencial é a possibilidade de a empresa identificar estruturas societárias, grupos econômicos e outros tipos de relações e analisar a proximidade com listas de risco.

Para saber mais sobre o social compliance na cadeia da moda, a OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) conta com o guia “Orientação de Due Diligence para Redes de Fornecimento Responsável no setor de vestuário e calçados”. E para conhecer como a Plataforma Neoway funciona na prática, solicite uma demonstração gratuita ou converse com nossos especialistas.

Quer saber como fazemos na prática?

Solicitar demo